Itamaraty confirma morte de combatente brasileiro que foi para a guerra na Ucrânia

Natural de Porto Alegre, André Luis Hack Bahi tinha 44 anos e integraria Legião Internacional de Defesa Territorial da Ucrânia. Irmã afirma que corpo de brasileiro será cremado.

Anúncios
Reprodução:Internet

O brasileiro André Luís Hack Bahi, de 44 anos, que estava na guerra na Ucrânia, morreu no país europeu, conforme o Ministério das Relações Exteriores. A informação também foi confirmada pela irmã, Letícia Hack Bahi, que mora em Porto Alegre, nesta quinta-feira (9).

Anúncios

O Itamaraty afirma que Hack morreu “em decorrência do conflito naquele país e mantém contato com familiares para prestar-lhes toda a assistência cabível, em conformidade com os tratados internacionais vigentes e com a legislação local”.

André faria parte da Legião Internacional de Defesa Territorial da Ucrânia. De acordo com a irmã, ele morava no Ceará e se separou de sua esposa antes de ir para a Europa. O corpo de Hack deve ser cremado e, as cinzas, jogadas em Quixadá, onde vivia.

Anúncios

“Nós decidimos que, para Porto Alegre, a gente não vai querer que ele venha. Nós vamos deixar as cinzas dele lá, um lugar maravilhoso que ele se apaixonou”, comenta a irmã.


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s