TVI NOTÍCIAS

Contrariando cientistas e OMS, Ministério da Saúde diz que hidroxicloroquina é segura, mas vacinas não

Foi publicado nesta sexta-feira, 21, pelo Ministério da Saúde, uma informação preocupante que contraria as recomendações de cientistas e a OMS (Organização Mundial da Saúde).

Reprodução: Ministério da Saúde

Segundo a Nota técnica, a hidroxicloroquina possui estudos e demonstração de segurança que aponta para a segurança de uso do medicamento, já as vacinas não têm demonstração de segurança em estudos.

O relatório é assinado por Helio Angotti Neto, secretário de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde, e foi utilizado como base para rejeitar as diretrizes da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias ao Sistema Único de Saúde (Conitec) de não usar medicamentos do “kit Covid” para tratamento em pacientes do SUS.

A publicação contraria os estudos apresentados até aqui. Desde o início dos experimentos das vacinas da Covid-19, as farmacêuticas e cientistas fizeram diversos estudos conclusivos, para confirmar segurança e eficácia contra a Covid-19, o que não pode-se dizer o mesmo sobre a hidroxicloroquina.

Apesar da defesa inicial de alguns cientistas do mundo e brasileiros, a OMS e diversos pesquisadores da área passaram a não recomendar o uso do medicamento por falta de evidências científicas e pela chance de causar algum tipo de efeito adverso grave em pacientes já diagnosticados com Covid-19.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s